Espalhe por ai:

A nova realidade nos colocou mais tempo dentro de casa, muitas vezes trabalhando sentados, e isso está nos trazendo um problema silencioso: as dores causadas pelo sedentarismo.

Postura inadequada, muitas horas na mesma posição, alimentação desregrada, e pouco ou nada de exercício físico. Tudo isso é sinal de alerta, segundo Sandra Aida, educadora física que há mais de 20 anos acompanha alunos em academias, ou como personal trainer. “Com a nova rotina, estamos ficando mais tempo sentados, isso acarreta problemas posturais preocupantes”.

De acordo com Sandra, a inflamação do nervo ciático é muito comum em quem trabalha muitas horas sentado, seja no computador ou dirigindo, por exemplo. “Ao ficarmos muito tempo sentados, a carga de peso fica sobre a coluna lombar, além disso temos a tendência involuntária de uma postura curvada para a frente, o que só vamos perceber quando começa a doer”. Os problemas tendem a se agravar com o passar dos anos, quando a saúde cardiovascular começa a apresentar sinais de que algo não está bem.

A comparação perfeita do nosso corpo com uma máquina, ou mesmo um carro, mostra a importância de nos manter ativos fisicamente. “Nosso corpo não foi feito para ficar parado, é como um carro que você deixa muito tempo na garagem, quando tenta funcionar, tem uma certa dificuldade”, afirma Sandra. Isso acontece porque, assim como as máquinas, nossas articulações necessitam de lubrificação, e o líquido necessário para isso só é liberado pelo organismo através de exercícios físicos.

Por onde começar?

Identificada a necessidade de se mexer, é hora de saber como começar. Segundo Sandra Aida, é preciso começar com o que tem. Dentro de casa ou no quintal, sempre há algo que ajuda a desenvolver exercícios que farão muita diferença no nosso corpo. “Para quem está sedentário, se fizer de 10 a 15 repetições, já vai sentir diferença, mas é preciso começar devagar. Tendo um degrau já dá para começar, ou então, um sofá, uma cadeira, sentar e levantar. Mesmo em uma parede, apoiando-se, ficando na ponta dos pés, subindo e descendo, nessa sequência já melhora muito a circulação”.

Sandra também lembra que há acessórios acessíveis que podemos usar para no movimentar, como uma corda, para exercícios aeróbicos, ou um bastão para os posturais. “Alimentação e atividade física é a combinação perfeita para um corpo bem funcional”, diz.

A personal acompanha pessoas ou grupos para a melhor performance em atividades físicas. Mesmo com as restrições impostas pelo distanciamento social, Sandra continua atendendo, dentro das normas de saúde, para que todos sejam beneficiados com as atividades físicas.

Para mais informações e esclarecimentos, fale com a Sandra Aida: (16) 99327-3434.

 

Espalhe por ai:
https://www.jornaldebonfim.com.br/wp-content/uploads/2020/07/Sandra-Aida-2.jpghttps://www.jornaldebonfim.com.br/wp-content/uploads/2020/07/Sandra-Aida-2-150x150.jpgAdilson BaptistaAloma Buenoaloma bueno,atividade fisica,bem estar,jornal de bonfim,sandra aida,saúdeA nova realidade nos colocou mais tempo dentro de casa, muitas vezes trabalhando sentados, e isso está nos trazendo um problema silencioso: as dores causadas pelo sedentarismo. Postura inadequada, muitas horas na mesma posição, alimentação desregrada, e pouco ou nada de exercício físico. Tudo isso é sinal de alerta, segundo...Portal de Notícias de Bonfim Paulista, distrito de Ribeirão Preto, localizado no interior do Estado de São Paulo. O portal divulga notícias, eventos e negócios dessa importante região metropolitana.